Projeto busca redução de emissões no setor de resíduos

Iniciativa faz parte da cooperação técnica Brasil-Alemanha para promover gestão sustentável dos resíduos, articulada com políticas de proteção do clima.

Os ministérios do Meio Ambiente, Cidades e Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações e a agência de cooperação da Alemanha (GIZ), criaram, nesta quinta-feira, o Comitê de Coordenação Conjunta do Projeto de Cooperação para a Proteção do Clima na Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos (ProteGEEr). Aprovado pelo Ministério do Meio Ambiente da Alemanha, a iniciativa destinará cinco milhões de euros da Iniciativa do Clima (IKI) para ser executado em quatro anos.

De acordo com a diretora de Qualidade Ambiental e Gestão de Resíduos do MMA, Zilda Veloso, “o projeto é estratégico para a implementação da gestão de resíduos pelos municípios, pois associa as políticas do setor à política de mudança do clima”. Atualmente, reciclagem setor de resíduos responde por 5% das emissões de gases de efeito estufa (GEE) do Brasil.

A implementação do ProteGEEr reúne, além dos ministérios dos dois países, a Universidade Técnica de Braunschweig. A universidade alemã está responsável por articular uma rede Brasil-Alemanha de ensino e pesquisa em resíduos e clima.

Dividido em três componentes, a primeira está voltada para detalhar o diagnóstico das emissões do setor de resíduos e construir cenários de mitigação. A segunda componente promoverá a troca de experiências e capacitação junto aos gestores municipais, além de estudar diferentes opções de gestão e rotas tecnológicas para a reduzir as emissões do setor de resíduos.

A reunião para criação do Comitê marcou, ainda, o lançamento oficial do ProteGEEr, que vem sendo trabalhado pelos três ministérios desde o final de 2016. O MMA atuará como co-gestor do projeto e vai contribuir para o cumprimento dos compromissos brasileiros junto ao Acordo do Clima, de Paris. Participaram do evento, em Brasília, o ministro de Cidades, Alexandre Baldy, o secretário substituto de Recursos Hídricos e Qualidade Ambiental do Ministério do Meio Ambiente, Sérgio Gonçalves, representando o ministro Sarney Filho, e o embaixador da Alemanha no Brasil, Georg Witschel.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *